Selecione primeiro:
Área útil: m2

Bem vindo(a) ao
Quanto Vale Meu Apê?

Clique no botão acima para descobrir o preço de mercado de imóveis parecidos com o seu ou com aqueles que você está procurando.

Sobre nós

O Quanto Vale Meu Apê? é uma forma fácil e eficiente de precificação imobiliária.

Com o uso de apenas algumas informações básicas sobre o imóvel, ajudamos as pessoas a se orientarem em relação ao mercado. Isso permite que proprietários não cobrem caro demais, o que afasta interessados e aumenta o tempo para vender ou alugar, e nem cobrem barato demais, perdendo dinheiro sem necessidade. Já para quem compra ou aluga, a ferramenta ajuda as pessoas a descobrir se estão pagando um preço justo, podendo servir até como argumento durante a negociação.

Como funciona

Um robô criado por nossa equipe garimpa informações de anúncios imobiliários disponíveis na internet e transforma esses dados em fórmulas, revisadas continuamente por nossos estatísticos. Cada fórmula está calibrada para se aproximar ao máximo do valor real do imóvel naquele período. Para calcular o preço de uma casa ou apartamento, basta clicar no botão no topo da página e inserir os dados do imóvel desejado.

Padrões Baixo, Médio e Alto

Todas as consultas exibem três preços separados em padrões: Padrão Baixo, Padrão Médio e Padrão Alto. Esses padrões são referências relativas à cada vizinhança e absorvem todas as outras informações que não foram inseridas em nosso formulário, como presença de piscinas, churrasqueiras, câmeras de segurança, entre outras. Veja alguns exemplos de como interpretar os resultados:

Se em um determinado bairro poucas casas possuem piscina, as casas que possuem esse diferencial passam a ser consideradas como Padrão Alto, pois são um padrão mais alto do que a vizinhança oferece. Entretanto, se todas casas da região possuem uma piscina, então ter piscina não é mais um diferencial. Nesse caso, outras informações como estilo de arquitetura da casa ou existência de salas de jogos e sauna podem servir para definir se um imóvel é padrão baixo, médio ou alto naquela vizinhança.

Se em um determinado bairro os apartamentos variam muito em relação ao nível de acabamento ou quantidade de itens de lazer e segurança que o condomínio oferece, essas informações passam a ser absorvidas pelas fórmulas e os resultados dos padrões baixo, médio e alto passam a refletir essas diferenças. Então, apartamentos com reformas antigas e que ficam em condomínios com poucos atrativos passam a ser considerados Perfil Baixo. Já os apartamentos com reformas mais recentes, mas com poucos itens de lazer e segurança, passam a ser considerados Padrão Médio e os apartamentos mais novos e de condomínios com mais recursos passam a ser considerados Padrão Alto.

Os padrões são conceitos relativos e não são necessariamente comparáveis entre um bairro e outro. Observe os imóveis ao seu redor e veja qual padrão mais se parece com o do seu imóvel. Se estiver na dúvida entre dois padrões, considere precificar o imóvel com um valor intermediário entre eles.